Sábado, 24 de Outubro de 2009

O marido disse à esposa, "Vou só ali e já volto." Ela perguntou, "Voltas mesmo? Prometes?", "Prometo.", respondeu o marido. Por cada ano que passava sem o marido regressar, a mulher rejeitava dois ou três pretendentes. "Já tenho homem." Dizia ela de olhos suspensos no vazio, e depois sentava-se e esperava. A mulher foi envelhecendo e não havia meio de o marido regressar, até que um dia, já muito velha, a mulher faleceu e o seu corpo foi enterrado junto da sepultura do marido que já lá se encontrava fazia agora uma eternidade.



publicado por Mário Ramos d´Almeida às 20:26
Da infância, da vida e da morte.
mais sobre mim
Outubro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

11
12
13
14
15
16
17

19
20
21
22
23

25
26
27
28
30
31


pesquisar neste blog
 
Web Pages referring to this page
Link to this page and get a link back!
subscrever feeds
blogs SAPO